Arquivo da tag: Inception

Série Minha Canção Favorita, de Gorpa e Região – parte 4

Padrão

Com um pequeno atraso, cá estamos, trazendo a quarta parte da série. Agora, com depoimentos de MAX NUNES,
KELLEN VOLOCHATI, ANTONIO CARLOS KUBINSKI (TONI), KAIO MIOTTI RIBEIRO e LUKAS ALMEIDA. Um quinteto de responsa, que manja dos paranauê! Bora pro blá-blá-blá e pras músicas da semana, então!

MAX NUNES (Baixista da Desert Eagle e mais algumas centenas de bandas / organizador de eventos / entregador de água)

Música: ABRAKADABRA
Artista: BUP & ROXETIN
Bom, confesso que sou fã da banda há algum tempo, mas a música que escolhi não é a minha favorita dela, apesar de gostar muito dela e de várias outras. Acho o instrumental do grupo impecável e extremamente envolvente, as letras do João são sensacionais, mas o que me deixa mesmo impressionado é a apresentação ao vivo. O domínio de público e a presença de palco da Bup é inexplicável, principalmente a de seu front man. A escolha da música foi porque foi a primeira música que escutei da banda, o que me fez gostar e procurar saber mais sobre os caras.

KELLEN VOLOCHATI (Vocalista da Desert Eagle)

Música: I FEEL MY SOUL BLAZING
Artista: INCEPTION
Banda foda, em questão de composição, companheirismo da banda, amor ao som que curtem, sem se importar com o modismo, nao só essa música mas a banda em si é muito boa. O black metal eh muito bem representado por eles, e essa música em questão é bem marcante, com riffs bem criativos e o vocal… admiro muito o Alesandro porque eu nunca vou fazer o que ele faz hehe. Muito bom, com muito feeling. Tem que ser bom mesmo pra cantar do jeito que ele canta, sem machucar a garganta. É uma musica de músicos que eu admiro muito. Lembro do começo da banda, na mesma época que eu comecei com minha primeira banda, e de 2010 para cá (se nã)o me engano hehe), eles evoluiram muito, e prova disso é essa composição rica. Tem traços marcantes de suas influências, irreverência, técnica e sentimento … um obscuro sentimento!

ANTONIO CARLOS KUBINSKI, O TONI (Fotógrafo)

Música: HALLELUCINATE
Artista: DISASTER BOOTS
Foi a música que fez eu virar o fã número um da banda,  tem tudo que eu gosto no rock desde uma letra sensacional, que me inspira, até  os riffs marcantes que viciam.

KAIO MIOTTI RIBEIRO (Compositor)

Música: JOSÉ WYLKER
Artista: ADOC
Sem titubeios: a música José Wylker, da banda ADOC. Quando ouvi essa música, já me bateu: porra, que sacana, puta bom humor na figura de José Wylker, a suruba global, pornochanchada, galãs de meia idade, pêlos e diálogos banais em novelas das oito. Fico em dúvida às vezes se não é música em quadrinhos. São caricaturas, estereótipos esses tipos que penso que a música esculacha. Até hoje (ouvi pela primeira vez idos de 2011, 12?) fico dando risada, como agora… ah, os romances baratos do padrão telenovela… E fora os timbres do ADOC que são muito próprios, com a maneira de tocar também. Salve ADOC! Salve a tragicomédia de produtos brasileiros de exportação como a telenovela…ah, não né! José Wyl-yl-ke-eeer…

LUKAS ALMEIDA (Guitarrista da DKrauz)

Música: EMINENT
Artista: ULTRA VIOLENT
Então, há duas músicas. A primeira é Eminent, da banda Ultra Violent. Esta música significa muito pra mim e para a banda que eu tinha, o por que disso eu não sei, kkkkkk… E por outro lado ela é um dos “clássicos” do Ultra Violent e chegou a estar nos repertórios da minha banda (mas nunca chegamos à tocar). Rsrs…
A segunda banda citada será publicada na parte 6 da série.

Anúncios

Inception – honra ao metal negro!

Padrão

É, Gorpa também tem bandas de black/death metal, e uma delas, das mais relevantes, é a INCEPTION. Relevante não só musicalmente, mas também pela iniciativa de promover um festival anual, como o Apocalipse, cuja terceira edição ocorreu no mês de setembro, no Guarapuava Esporte Clube.

A banda foi formada em 2010, pelos irmãos Lucas Remes, por Sebastião Fernandes, o Sebá (atual guitarrista também de outra banda do estilo, o Immortal Flame), e pelo batera Paulo Roberto. Algumas semanas depois, foram recrutados André Alexandre para o baixo e Alesandro Rubilar no vocal. Mais tarde, André Alexandre foi substituído por Lucas Fernandes (irmão do Sebá), que segue até hoje como membro da banda. A formação atual, em ordem alfabética, é:

Alesandro Rubilar (vocal)
Lucas Fernandes (baixo)
Lucas Remes (guitarrista)
Paulo Roberto (baterista)
Sebastião Fernandes (guitarrista)

Com essa formação acima, a Inception lançou sua primeira demo no início de 2014, intitulada “The Lament of the Cross” (pode ser adquirido no Armazém do Rock). O som é basicamente black metal, com um tanto de death e um pouco de thrash, com letras que retratam a hipocrisia de nossos tempos, a alienação causada pelas religiões e pela política. Enfim, temas atuais e que não morrem nunca, ainda mais num país tão fortemente pautado por grupos religiosos e com uma política tão distanciada da população.

 

Inception Horda

Inception Horda

 

A Inception é uma das duas bandas guarapuavanas presentes em um grande festival de metal extremo, a Zoombie Ritual, que será realizado entre os dias 11 e 14 de dezembro, em Rio Negrinho (SC). A Inception toca no primeiro dia, abrindo o evento, que é o dia de bandas clássicas como a alemã Destruction e a americana Whiplash. A Fusileer, outra banda de Gorpa, toca no dia 12. O festival ainda conta com Carcass, Brujeria e Venom, dentro outros monstros do metal mais macabro do planeta.

10353629_386022691545043_2409029865678533563_n

Para entrar em contato com a banda:

Perfil no Facebook
E-mail: inceptionhorda@gmail.com

Se você ainda não conhece a Inception Horda (como normalmente são chamados, com Horda no sentido de “banda”), clique AQUI para acessar o canal no Youtube. Atualmente, são sete vídeos, com músicas de estúdio, ao vivo e gravações.

Agradeço aos dois Lucas pelas informações e pela boa vontade! 🙂